25 pessoas, investigações e projetos extraordinários distinguidos nos Prémios Verdes VISÃO + AdP

Os 25 premiados nos Prémios Verdes VISÃO + AdP (Marcos Borga)

25 pessoas, investigações e projetos extraordinários distinguidos nos Prémios Verdes VISÃO + AdP

Foram ontem, Dia Mundial do Ambiente, conhecidos os vencedores dos Prémios Verdes VISÃO + Grupo Águas de Portugal, uma iniciativa com o Alto Patrocínio do Presidente da República. Estes prémios destinam-se a premiar as pessoas individuais, empresas e organizações que mais se destacam em Portugal na área do ambiente.

A cerimónia de entrega dos prémios decorreu na Fábrica da Água de Alcântara e contou com a abertura do Ministro do Ambiente, Duarte Cordeiro, e com uma intervenção de Carlos Moedas, Presidente da Câmara de Lisboa.

A iniciativa recebeu centena e meia de candidaturas para todas as 10 categorias em concurso, escolhidas pelo júri da iniciativa – composto por Filipe Duarte Santos, Viriato Soromenho Marques, Catarina Albuquerque, Sofia Santos, Pedro Matos Soares, José Furtado e Mafalda Anjos – que deliberou entregar 11 prémios e 14 menções honrosas.

Veja a fotogaleria com os laureados

Categoria PERSONALIDADE

1º Prémio ex aequo: Nuno Maulide

Aos 42 anos, Nuno Maulide é um cidadão do mundo. Licenciado em Química no Instituto Superior Técnico, com mestrado em França e doutoramento na Bélgica, trabalhou nos Estados Unidos da América e na Alemanha, antes de se fixar na Áustria, onde é professor e diretor do Instituto de Química Orgânica da Universidade de Viena. Ali foi eleito Cientista do Ano, em 2018. Em 2021 foi nomeado membro permanente da Academia de Ciências da Áustria, o que faz dele o mais novo membro permanente e o único estrangeiro fora dos países germanófonos a conseguir esse feito. Publicou um livro no ano passado para mostrar, de forma divertida, como a Química é uma ciência essencial para resolver problemas globais, como as mudanças climáticas e ecológicas, entre outros. Criou uma start-up em Portugal que se dedica à produção de um recurso valioso a partir da água de lavagem do tremoço.

Saiba mais aqui: Nuno Maulide, Prémio Verde Personalidade: “Ninguém será capaz de prever se precisaremos de um momento catastrófico para forçar o progresso”

1º Prémio ex aequo: Luísa Schmidt

Luísa Schmidt é socióloga especialista nas áreas da comunicação e do ambiente, doutorada pelo ISCTE jornalista, professora e investigadora principal do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa. Integrou o grupo de investigadores que criou e montou em 1996 o OBSERVA – Observatório de Ambiente, Território e Sociedade, escreveu 19 livros e recebeu mais de duas dezenas de prémios. É membro do CNADS, o Conselho Nacional do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, e uma referência e inspiração para várias gerações nos temas ambientais, assinando no jornal Expresso a coluna “Qualidade Devida” há 32 anos.

Saiba mais aqui: Luísa Schmidt, Prémio Verde Personalidade: “Os media têm de vencer as estratégias de manipulação do ‘greenwashing’, que não pararam de ganhar sofisticação e força”

Menção honrosa: Raimundo Quintal

Fundador da Associação dos Amigos do Parque Ecológico do Funchal, coordena, desde 2001, o projeto de restauração da biodiversidade no maciço montanhoso do Pico do Areeiro da Ilha da Madeira. É autor de livros e de inúmeros artigos de fitogeografia, ecologia e educação ambiental, e autor e realizador de 84 documentários sobre património natural e cultural. Raimundo Quintal foi também o responsável científico do projeto de requalificação do Jardim Botânico José do Canto, em Ponta Delgada, Ilha de São Miguel.

Menção honrosa: Rodrigo Serra

O Rodrigo Serra é um dos principais responsáveis pelo sucesso da recuperação do lince-ibérico em Portugal e Espanha. Dirige o Centro Nacional de Reprodução do Lince-Ibérico desde o início do projeto, em 2009, quando restavam 94 animais em liberdade na Península Ibérica. Só no centro de Silves, nasceram mais de 100 animais, contribuindo decisivamente para o aumento de linces-ibéricos em Portugal e Espanha, o que levou a espécie a descer um degrau na Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas, da União Internacional para a Conservação da Natureza, deixando de estar “criticamente em perigo”. Hoje, há mais de 1000 animais a viver na natureza, na Península.

Categoria: INSPIRAÇÃO

1º prémio: Paulo Magalhães, Fundador da Casa Comum da Humanidade

Paulo Magalhães é jurista, Doutorado em Ecologia-Humana, e pós-doutorado com trabalho sobre o estatuto jurídico do clima. Graças à sua investigação, a Lei de Bases do Clima de 2021 define como objetivo da diplomacia portuguesa o “reconhecimento pela ONU do Clima Estável como Património Comum da Humanidade”. A Casa Comum da Humanidade é única ONG portuguesa acreditada pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, e foi uma das seis convidadas para o Fórum de Governação Global da ONU75.

Menção honrosa: Eunice Maia, Fundadora da Maria Granel

Eunice Maia fundou a Maria Granel, uma mercearia biológica 100% a granel e uma “low waste store” pioneira no sistema “Bring Your Own Container”, que se transformou numa verdadeira plataforma de consumo ecologicamente responsável e de redução do desperdício, que inspira mais de 77 mil seguidores no Instagram.   

Menção honrosa: Estrela Matilde, Fundadora da Fundação Príncipe

Estrela Matilde, bióloga de conservação, mudou-se em 2013 para  a Ilha do Príncipe. Esteve envolvida no início da Fundação Príncipe, uma organização com a missão de conservação da biodiversidade da Ilha, em integração com o desenvolvimento económico e social das comunidades locais. Perante a eminência de ver a Fundação fechar, quando o seu único financiador saiu do projeto, Estrela meteu mãos à obra  e conseguiu viabilizá-la e torná-la uma ONG independente de referência, com 15 doadores e uma equipa de 64 funcionários locais.

Categoria INVESTIGAÇÃO

1º prémio: Consórcio / Covidetect

Este projeto de investigação resulta de um consórcio pluridisciplinar da academia e da indústria que juntou a Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, o Laboratório de Análises do Instituto Superior Técnico, a AdP VALOR, a Águas do Tejo Atlântico, a Águas do Norte e a SIMDOURO. Monitorizou a circulação do vírus SARS-CoV-2 nas águas residuais, nomeadamente nos efluentes de 3 hospitais de referência e em 5 ETAR localizadas nos grandes centros urbanos de Lisboa, Cascais, Gaia e Guimarães. O estudo Covidetect demonstrou que as águas residuais podem ser usadas para identificar precocemente surtos da Covid-19 e investigar a diversidade dos genomas do vírus que circulam numa comunidade, detetando a emergência de novas mutações e variantes, em complementaridade com a vigilância clínica.

Menção honrosa: Seena Sahadevan / Nanoplásticos

A Dr. Seena Sahadevan, cientista e investigadora no Centro de Ciências do Mar e do Ambiente da Universidade de Coimbra, liderou um projeto inovador para detetar os impactos causados por nanoplásticos – fragmentos ínfimos do tamanho de um vírus – numa espécie de fungos aquáticos e invertebrados, em concentrações ambientalmente relevantes. Nos últimos 5 anos, a sua atividade científica incidiu sobre este importante tema do efeito dos nanoplásticos em ecossistemas de água doce.

Menção honrosa: Lénia Mestrinho, em representação do Data Science Knowledge Center da Nova SBE 

Este projeto de investigação veio fazer luz sobre o fenómeno da “fuga à lota”, isto é, a primeira venda ilegal de pescado fora da lota, que se estima que possa atingir o valor de 5,75 milhões de euros anuais. O projeto do Data Science Knowledge Center da Nova SBE teve o apoio da ANP|WWF e da Docapesca, e contou ainda com representantes, no seu advisory board, da Autoridade Tributária, da Autoridade Nacional de Gestão das Pescas e do IPMA, entre outros.

Veja o video com a reportagem da cerimónia

Categoria AÇÃO

1º Prémio:  Alfredo Cunhal Sendim / Herdade Freixo do Meio

Alfredo Sendim criou, no Alentejo, um projeto economicamente robusto e socialmente justo, pioneiro em Portugal, totalmente orgânico desde 1997 e depois dedicado à agroecologia através do sistema “Montado”, onde se aposta na construção de comunidade em aprendizagem e experimentação continua como resposta aos desafios ambientais. Hoje a Herdade do Freixo do Meio produz mais de 200 produtos, oferecendo mais de 30 empregos e alimentando mais de 150 famílias da região, num modelo onde os consumidores participam e assumem responsabilidade em todo o processo.

Menção honrosa: SOS Quinta dos Ingleses

É um movimento apartidário que se constituiu em associação, para defender a preservação do espaço verde de 52 hectares da Quinta dos Ingleses, junto à Praia de Carcavelos, perante a ameaça de construção de um projeto de empreendimento de 850 apartamentos. A associação procura abrir o diálogo entre todas as entidades competentes, ou seja, Câmara Municipal de Cascais, governo e promotores.

Menção honrosa: CIIMAR – Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental / Projeto Ocean Action

O projeto Ocean Action tem como objetivo aumentar o conhecimento sobre os princípios essenciais da literacia do oceano e o impacto da poluição no mar, em particular de plástico, bem como promover boas práticas aplicáveis à conservação dos ecossistemas marinhos. O CIIMAR desenvolve desde 2015 diferentes iniciativas de sensibilização com e para a comunidade escolar e o público em geral.

Categoria ÁGUA E CIDADES SUSTENTÁVEIS

1º Prémio: CML / Rede de Bebedouros de Lisboa

Projeto da Câmara Municipal de Lisboa, desenvolvido em conjunto com a EPAL e com o GEOTA – Grupo de Estudos de Ordenamento do Território e Ambiente, para dotar a capital de uma rede de bebedouros mais modernos, inclusivos, com novas e modernas funcionalidades, e preocupações com os animais. Com a conclusão do projeto, prevista para o início de 2023, Lisboa ficará dotada de uma rede com 200 novos bebedouros.

Menção honrosa: CML / Parques e Jardins de Lisboa: o mesmo verde, a água é outra. Rega sustentável com água +

Projeto da Câmara Municipal de Lisboa para introduzir rega sustentável com água reutilizada na zona norte do Parque das Nações. Marca o início da rega com água reutilisada produzida nas Fábricas de Água, com qualidade exigida para vários usos não potáveis, observando as exigências de segurança e de saúde pública e contribuindo para a economia circular, para a eficiência do setor da água e para a sustentabilidade. O objetivo, em 2030, é que 25% da água consumida pela CML seja de origem não potável.

Categoria ENERGIAS VERDES

1º Prémio: Dourogás Renovável / Projeto Hidrogasmove & Solargasmove

O Projeto Hidrogasmove & Solargasmove, em desenvolvimento na Fábrica de Água de Frielas, é um exemplo basilar de economia circular. A iniciativa da Dourogás Renovável, em parceria com a Águas do Tejo Atlântico, contempla duas soluções tecnológicas que produzirão gases renováveis – biometano, hidrogénio verde e e-metano – que serão, posteriormente, injetados na rede de gás natural e utilizados como combustível, promovendo uma mobilidade mais sustentável ao reduzir a emissão de gases com efeito estufa e aumentando a qualidade do ar.

Categoria ARQUITETURA SUSTENTÁVEL

1º Prémio: Município do Porto / Alteração e Ampliação do Edifício São Dinis

A obra de alteração e ampliação do Edifício São Dinis, no Porto, é um exemplo de arquitetura sustentável de reabilitação. Construído no século XIX, funcionou até cerca de 1910 como Matadouro Municipal. O projeto, que inclui uma cobertura verde, foi pensado para cumprir os requisitos técnicos da exigente certificação ambiental LEED, cuja candidatura está em curso, e assegura poupanças de energia, água e resíduos significativas. Será o primeiro edifício de reabilitação do País a receber este reconhecimento.

Menção honrosa: ISQ / E-Tijolo

O ISQ, em parceria com a Câmara de Guimarães e o Centro de Valorização de Resíduos, desenvolveu o E-Tijolo, um projeto que pretende incorporar beatas de cigarros em elementos construtivos, nomeadamente tijolos. Esta transformação de produto tem como vantagens um produto mais leve, com melhores propriedades de isolamento e que reduz em 60% o consumo de energia necessária para a sua produção.

Categoria TECNOLOGIA VERDE

1º Prémio: Next Generation Chemistry /Make it Bio

A indústria têxtil é uma das mais poluentes no setor industrial. A Next Generation Chemistry é uma plataforma biotecnológica que tem como objetivo transformar as indústrias poluentes em modelos de desenvolvimento económico sustentáveis. Assim nasceu o programa Make it Bio, capaz de revolucionar o processamento têxtil em toda a sua cadeia – desde o branqueio, ao tingimento e acabamento –, sendo possível produzir um têxtil 100% sem produtos petroquímicos nocivos para o ambiente e redução de consumo de energia e água.

Menção honrosa: Inokem S.A / Inokem Biotech Shop

A Inokem Biotech Shop pretende alterar o paradigma de consumo de plástico no setor de limpeza e desinfeção, oferecendo soluções de limpeza ultra-concentradas e ecológicas, que estimulam a economia circular através da reutilização da mesma embalagem para refill. Cada embalagem destes produtos significa uma poupança de plástico em média de 40 a 50 embalagens de produtos de limpeza nas prateleiras de supermercado, além de oferecer alternativas não tóxicas, não poluentes, mas muito eficazes e a muito baixo custo.

Categoria: CONSERVAÇÃO DA NATUREZA

1º Prémio: Fundação Oceano Azul, com os Governos Regionais da Madeira e dos Açores / Alargamento das Áreas Marinhas Protegidas

O projeto, coordenado pela Fundação Oceano Azul, visa alargar a Área Marinha Protegida das Selvagens, na Madeira, aumentando a proteção integral dos 94 Km2 iniciais para mais de 2 600 Km2, tornando-se a maior unidade do género no Atlântico Norte. Nos Açores, o objetivo de criar, até 2023, uma vastíssima área protegida de 300 000 Km2, correspondendo a 30% da área sob sua jurisdição, metade da qual será de proteção total.

Menção honrosa: Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas / Habmonte

O Habmonte, projeto de Prevenção Estrutural e Conservação de Habitats Naturais Protegidos e Espécies Prioritárias do Parque Natural de Montesinho, visa a conservação de diversos habitats naturais prioritários da Rede Natura 2000 e a conservação de espécies com elevado estatuto de proteção legal, como o lobo-ibérico, ao mesmo tempo que torna a paisagem mais resiliente a fenómenos extremos como as alterações climáticas e a ocorrência de incêndios florestais.

Menção honrosa: GEOTA / Renature Monchique

O projeto Renature Monchique, coordenado pela uma Organização Não-Governamental de Ambiente GEOTA, nasceu em 2019 e pretende restaurar, através da reflorestação, os principais habitats da Rede Natura 2000 que foram afetados pelo incêndio de Monchique de 2018. Através de uma parceria com a Ryanair, a Região de Turismo do Algarve, o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas e o Município de Monchique, conseguiu apoiar 60 proprietários e respetivas famílias e plantar cerca de 200.000 árvores autóctones em mais de 800ha.

Categoria: ESPECIAL PALOP

1º Prémio: AquaInSilico / Phos-Value (Cabo Verde)

A AquaInSilico é uma spin-out da Universidade Nova de Lisboa. Disponibiliza ferramentas de inteligência digital que ajudam a aumentar a eficiência de tratamento de águas residuais. O projeto Phos-Value é uma iniciativa inovadora implementada pela AquaInSilico para capacitar Cabo Verde a melhorar a qualidade da água proveniente do tratamento de águas residuais. Este aumento da eficiência de tratamento de águas permitirá que a população do país tenha acesso a água com maior qualidade, reduzirá a poluição das águas e a eutrofização marinha.

Menção honrosa: AdP – Águas de Portugal Internacional – Serviços Ambientais + Cidade de Huíla (Angola)

O estado de seca severa vivida na província da Huíla, provocando uma enorme escassez de água no meio urbano e periurbano da cidade do Lubango, promoveu a necessidade de fortalecer a capacidade institucional das entidades gestoras do setor de água e aumentar a cobertura do serviço, com o reforço das componentes técnicas e de capacitação de recursos humanos, mas também de gestão comercial e de marketing, gestão financeira e de tecnologias de informação. O objetivo deste projeto é fortalecer a capacidade institucional das entidades gestoras do setor de água e aumentar a cobertura do serviço, com o reforço das componentes técnicas e de capacitação de recursos humanos, mas também de gestão comercial e de marketing, gestão financeira e de tecnologias de informação.

Mais na Visão

Mais Notícias

Conforto e muita luz, num apartamento em São Paulo, Brasil

Conforto e muita luz, num apartamento em São Paulo, Brasil

Em “Senhora do Mar”: Alex é espancado e Paula descobre toda a verdade

Em “Senhora do Mar”: Alex é espancado e Paula descobre toda a verdade

Novo Dacia Spring: mais por menos

Novo Dacia Spring: mais por menos

Breve história da maquilhagem

Breve história da maquilhagem

Instagrammer confessa ter enviado peças de mísseis e de drones para a Rússia

Instagrammer confessa ter enviado peças de mísseis e de drones para a Rússia

VOLT Live: como aumentar a competitividade e concorrência no mercado do carregamento de veículos elétricos

VOLT Live: como aumentar a competitividade e concorrência no mercado do carregamento de veículos elétricos

De Madalena Palmeirim a Ty Segall: Quatro discos novos, colheita de 2024

De Madalena Palmeirim a Ty Segall: Quatro discos novos, colheita de 2024

Bosch e Microsoft querem usar IA para tornar estradas mais seguras

Bosch e Microsoft querem usar IA para tornar estradas mais seguras

Cristina Ferreira partilha mais fotos com o namorado e fãs reagem: “O amor faz-lhe bem”

Cristina Ferreira partilha mais fotos com o namorado e fãs reagem: “O amor faz-lhe bem”

Encha a casa de verde, inspire-se na Natureza

Encha a casa de verde, inspire-se na Natureza

Moda com mensagem para celebrar a Mulher

Moda com mensagem para celebrar a Mulher

Artur Jorge: o exercício físico da poesia

Artur Jorge: o exercício físico da poesia

Tempos de Antena ‘Miúdos a Votos’: ‘O Principezinho’

Tempos de Antena ‘Miúdos a Votos’: ‘O Principezinho’

CDU contesta fim de cirurgias ao cancro da mama em várias unidades de saúde

CDU contesta fim de cirurgias ao cancro da mama em várias unidades de saúde

Veja como se faz uma carteira de luxo

Veja como se faz uma carteira de luxo

Tempos de Antena ‘Miúdos a Votos’: ‘O Estranhão’

Tempos de Antena ‘Miúdos a Votos’: ‘O Estranhão’

Giorgio Armani propõe veludo, flores e infuências orientais para o próximo inverno

Giorgio Armani propõe veludo, flores e infuências orientais para o próximo inverno

Exame 478 - Março 2024

Exame 478 - Março 2024

Quinta da Pacheca cinco estrelas. O luxo das coisas simples

Quinta da Pacheca cinco estrelas. O luxo das coisas simples

Powerbanks iS da iServices em teste: 'colam-se aos smartphones'

Powerbanks iS da iServices em teste: 'colam-se aos smartphones'

“Senhora do Mar”: Padre Filipe recusa ajudar Joana a cometer um crime

“Senhora do Mar”: Padre Filipe recusa ajudar Joana a cometer um crime

Dos idos de Março 62 às eleições de Março 24

Dos idos de Março 62 às eleições de Março 24

Dior e o revivalismo da década de 1960 na passarela

Dior e o revivalismo da década de 1960 na passarela

Apple descarta projeto de desenvolvimento de carro elétrico

Apple descarta projeto de desenvolvimento de carro elétrico

Porque existem anos bissextos?

Porque existem anos bissextos?

O avanço da sustentabilidade ambiental nas empresas

O avanço da sustentabilidade ambiental nas empresas

Lisboa através dos tempos na VISÃO História

Lisboa através dos tempos na VISÃO História

Aos 53 anos, Naomi Campbell é rainha da

Aos 53 anos, Naomi Campbell é rainha da "passerelle" em Milão

Letizia exibe novo corte de cabelo

Letizia exibe novo corte de cabelo

O luxo da viagem de Georgina com os filhos

O luxo da viagem de Georgina com os filhos

Black Trumpet: no reino encantado dos cogumelos

Black Trumpet: no reino encantado dos cogumelos

A VISÃO Se7e desta semana - edição 1617

A VISÃO Se7e desta semana - edição 1617

Sobe para 12 número de casos de sarampo em Portugal desde 11 de janeiro

Sobe para 12 número de casos de sarampo em Portugal desde 11 de janeiro

Os lugares desta História, com Isabel Stilwell: Filipe I de Portugal, por fim

Os lugares desta História, com Isabel Stilwell: Filipe I de Portugal, por fim

Os Incoerentes: a história de movimento artístico à frente do seu tempo

Os Incoerentes: a história de movimento artístico à frente do seu tempo

As Revoluções Francesas na VISÃO História

As Revoluções Francesas na VISÃO História

Alessandra Ambrósio usa camisola de futebol na Semana da Moda de Paris

Alessandra Ambrósio usa camisola de futebol na Semana da Moda de Paris

Apple descarta projeto de desenvolvimento de carro elétrico

Apple descarta projeto de desenvolvimento de carro elétrico

Como vai estar o tempo em março? Muito incerto e a culpa é de um

Como vai estar o tempo em março? Muito incerto e a culpa é de um "jato polar ondulado"

J. L. Barreto Guimarães, Poesia para médicos

J. L. Barreto Guimarães, Poesia para médicos

Palácio de Kensington volta a pronunciar-se sobre a doença de Kate

Palácio de Kensington volta a pronunciar-se sobre a doença de Kate

Medicamentos genéricos geraram poupança recorde de 580 milhões de euros em 2023

Medicamentos genéricos geraram poupança recorde de 580 milhões de euros em 2023

Apartamento em Cascais: sobriedade contemporânea

Apartamento em Cascais: sobriedade contemporânea

Arte e arquitetura (ou vice-versa) nas duas primeiras exposições na Ala Álvaro Siza

Arte e arquitetura (ou vice-versa) nas duas primeiras exposições na Ala Álvaro Siza

Exame de março: A economia que Pedro Nuno Santos e Luís Montenegro querem para Portugal

Exame de março: A economia que Pedro Nuno Santos e Luís Montenegro querem para Portugal

Parceria TIN/Público

A Trust in News e o Público estabeleceram uma parceria para partilha de conteúdos informativos nos respetivos sites