Restaurante Canalha, o novo talk of the town

Restaurante Canalha, o novo talk of the town

Durante mais de um ano, João Rodrigues não teve cozinha fixa. Andou pelas várias regiões do país a cozinhar na companhia de chefes locais, a partir de ingredientes de produtores locais, em sítios inusitados. Tudo graças a um projeto chamado Residência, uma espécie de spin off de outra atividade extracurricular mais antiga, o Projecto Matéria, iniciado ainda aos comandos do Feitoria. Quem aterrou em Lisboa agora – ou não comprou a última PRIMA à Mesa, onde temos um perfil do chefe – saberá que o João Rodrigues esteve no estrela Michelin do Altis Belém durante quase uma década, que tem andado a mapear os melhores produtores nacionais num projeto aberto a toda a comunidade gastronómica e que no início de novembro abriu o Canalha, na Rua da Junqueira (já mais perto de Belém), em sociedade com o Grupo Paradigma. 

João Rodrigues de volta à operação diária de um restaurante. Fotografia: Joana Freitas

Em entrevista à PRIMA, semanas antes da abertura, disse: “É um daqueles restaurantes de todos os dias, de bairro. Tem uma componente de cozinha tradicional portuguesa, mas depois é uma cozinha de produto. Produto bom, sem grandes manipulações.” Trocado por miúdos, é um sítio com alma lisboeta, um sítio para falar alto, para beber um copo e comer um petisco, para ver a bola, mas também para almoçar e jantar de forma mais demorada, acompanhado de bons vinhos. Um sítio, tem dito João Rodrigues à imprensa, para gastar €20 ou €200. Tudo depende do que se come e bebe. Ou se a escolha recai sobre o menu fixo ou sobre os produtos frescos, sobretudo mariscos, mas também peixes e carnes que chegam todos os dias ao Canalha. Quando a PRIMA lá almoçou, poucos dias depois da abertura, houve dois pratos extra-menu: ouriços-do-mar com gotas de limão e gamba da costa cozida, cheia de sabor. 

A servi-los, na passagem entre a cozinha, de portas abertas para a sala, e o balcão de dez lugares, o próprio João Rodrigues. De avental, caneta BIC entalada no cimo da orelha, a receber os tickets de pedido pela máquina, a conversar com a equipa, a finalizar alguns pratos e a inquirir os clientes sobre os seus apetites – “Ainda têm fome para o arroz frito de mar e montanha?”. Nas várias mesas, estavam chefes conhecidos da nossa praça, pessoas do mundo do espetáculo, outras da publicidade. Algumas, percebia-se, eram clientes já habituais, outras sentavam-se pela primeira vez à mesa do Canalha. O sítio é novo, mas já corre a notícia de que a reserva é essencial, pelo peso de se ser o novo ‘talk of the town’. 

O balcão tem 10 lugares, há outras tantas mesas e ao fundo uma mesa mais privada. Fotografia: Joana Freitas

O menu tem espinha dorsal portuguesa, mas não se limita a reinventar o receituário do país, indo buscar ideias à vizinha Espanha ou a França, e tomando várias liberdades com segurança. Também não se limita à ideia da comida de conforto, porque há alguns pratos mais cuidados, exemplo da Lula de toneira grelhada com manteiga de ovelha, um clássico de João Rodrigues – afinal pode tirar-se o chefe do fine dining, mas não se tira o fine dining do chefe. O menu arranca com um conjunto de pequenos pratos, onde se contam o presunto 100% bolota Maldonado, o queijo de cabra fresco, a salada russa ou a anchova Xaia (estes dois últimos podem ser servidos juntos e a combinação é perfeita); seguem-se depois os pratos principais, ora doses mais pequenas, ora maiores, lista da qual se destacam o raspado de presa de vaca simental Alex Castani, a tortilha aberta de camarão e cebola, o carabineiro salteada com ovo frito e batata Laura (do produtor Raul Reis), o alho francês assado, com pinhões e vinagrete de mel e limão ou o bitoque do lombo. Para finalizar, uns marmelos assados e gelado de nata (a fruta muda consoante a época) ou um pudim flã. 

O alho francês assado com pinhões e vinagrete de mel e limão. Fotografia: Joana Freitas

Tudo somado, diga-se sem rodeios: o burburinho do Canalha é justificado. A comida é boa, o sítio está decorado com gosto e simplicidade, a escolha de banda sonora casa bem com a refeição. E é sempre uma boa forma de reencontrar João Rodrigues antes de ele abrir o seu Monda, um restaurante-experiência na zona do Oeste, que deverá arrancar no final do próximo ano.  

Arroz de mar e montanha, com gambas, enguias e frango. Fotografia: Joana Freitas

Rua da Junqueira, 207, Lisboa / 96 215 2742 / ter-sáb 12h30-15h30, 19h-23h 

Palavras-chave:

Mais na Visão

Mais Notícias

10 dicas para usar T-shirts e camisas oversized

10 dicas para usar T-shirts e camisas oversized

Alexandra dá murro na mesa e arrasa produção e críticos de “Casados à Primeira Vista”

Alexandra dá murro na mesa e arrasa produção e críticos de “Casados à Primeira Vista”

Os municípios que dão cartas nas exportações

Os municípios que dão cartas nas exportações

O futuro começou esta noite. Como foi preparado o 25 de Abril

O futuro começou esta noite. Como foi preparado o 25 de Abril

15 festivais gastronómicos (para comer e beber bem) do Minho ao Algarve

15 festivais gastronómicos (para comer e beber bem) do Minho ao Algarve

Curtas Vila do Conde: Um festival em grande

Curtas Vila do Conde: Um festival em grande

As escolhas de Letizia e Sofia que não ofuscam Leonor

As escolhas de Letizia e Sofia que não ofuscam Leonor

De Zeca Afonso a Adriano Correia de Oliveira. O papel da música de intervenção na revolução de 1974

De Zeca Afonso a Adriano Correia de Oliveira. O papel da música de intervenção na revolução de 1974

Cidades resilientes: a biodiversidade enquanto imperativo na era da crise climática

Cidades resilientes: a biodiversidade enquanto imperativo na era da crise climática

Apple ‘abre’ sistema de pagamentos móveis aos rivais

Apple ‘abre’ sistema de pagamentos móveis aos rivais

Famosos na antestreia do filme de César Mourão

Famosos na antestreia do filme de César Mourão

Animais que nos fazem rir!

Animais que nos fazem rir!

Fausto Bordalo Dias (1948-2024) - O barco vai de partida

Fausto Bordalo Dias (1948-2024) - O barco vai de partida

Os alfaiates de violinos

Os alfaiates de violinos

Os melhores aquários e fluviários para visitar em família neste verão

Os melhores aquários e fluviários para visitar em família neste verão

JL 1403

JL 1403

Em “A Promessa”: Miguel vinga-se de Helena e droga-a com a ajuda de Laura

Em “A Promessa”: Miguel vinga-se de Helena e droga-a com a ajuda de Laura

Quais as oportunidades na cadeia de valor da indústria espacial?

Quais as oportunidades na cadeia de valor da indústria espacial?

O Crescimento Verde é um Mito?

O Crescimento Verde é um Mito?

Rumo a Sul: 7 passeios de barco, do Alqueva à Ria Formosa

Rumo a Sul: 7 passeios de barco, do Alqueva à Ria Formosa

Descubra a cadeira mais famosa do verão

Descubra a cadeira mais famosa do verão

Kiwi contra um dos mais dolorosos efeitos secundários da quimioterapia. O

Kiwi contra um dos mais dolorosos efeitos secundários da quimioterapia. O "método inovador" criado por investigadores portugueses

Semáforos podem vir a ter uma quarta cor

Semáforos podem vir a ter uma quarta cor

Os heróis portugueses que vão às Olimpíadas

Os heróis portugueses que vão às Olimpíadas

Essenciais de moda casual para este verão

Essenciais de moda casual para este verão

ChatGPT chega a todos os Peugeot equipados com comandos de voz

ChatGPT chega a todos os Peugeot equipados com comandos de voz

VOLT Live: Musk chegou a Portugal de jato privado, mas nós voámos de elétrico

VOLT Live: Musk chegou a Portugal de jato privado, mas nós voámos de elétrico

Sede da PIDE, o último bastião do Estado Novo

Sede da PIDE, o último bastião do Estado Novo

B&B Italia e Maxalto em Lisboa

B&B Italia e Maxalto em Lisboa

Equipa do Técnico conquista segundo lugar em competição  de barcos elétricos

Equipa do Técnico conquista segundo lugar em competição de barcos elétricos

Juros altos por mais tempo?

Juros altos por mais tempo?

Em “A Promessa”: Laura emociona-se ao ver Tomás a ser internado à força

Em “A Promessa”: Laura emociona-se ao ver Tomás a ser internado à força

12 novas casas de banho funcionais, confortáveis e atraentes

12 novas casas de banho funcionais, confortáveis e atraentes

Novo estudo científico revela que o cérebro tenta prever o futuro enquanto se encontra em repouso

Novo estudo científico revela que o cérebro tenta prever o futuro enquanto se encontra em repouso

Equipa do Técnico conquista segundo lugar em competição  de barcos elétricos

Equipa do Técnico conquista segundo lugar em competição de barcos elétricos

17 mesas obrigatórias, de Melides a Vila Real de Santo António

17 mesas obrigatórias, de Melides a Vila Real de Santo António

Cláudia Vieira fala-nos do seu visual festivaleiro

Cláudia Vieira fala-nos do seu visual festivaleiro

Solidão a longo prazo aumenta o risco de AVC, demonstra novo estudo

Solidão a longo prazo aumenta o risco de AVC, demonstra novo estudo

Princesa Leonor triunfa num romântico e sedutor vestido de renda em azul-marinho

Princesa Leonor triunfa num romântico e sedutor vestido de renda em azul-marinho

Princesa Leonor triunfa num romântico e sedutor vestido de renda em azul-marinho

Princesa Leonor triunfa num romântico e sedutor vestido de renda em azul-marinho

Nestes cinco hotéis pode ir de férias com o seu amigo patudo

Nestes cinco hotéis pode ir de férias com o seu amigo patudo

Curtas de Vila do Conde - Um festival que dá cartas

Curtas de Vila do Conde - Um festival que dá cartas

Tecnologia: A união faz a transição

Tecnologia: A união faz a transição

6 looks de verão versáteis e leves para começar a usar já

6 looks de verão versáteis e leves para começar a usar já

Sabe o que são os padrões obscuros? Conheça a técnica dos sites e apps para manipular os utilizadores

Sabe o que são os padrões obscuros? Conheça a técnica dos sites e apps para manipular os utilizadores

Parceria TIN/Público

A Trust in News e o Público estabeleceram uma parceria para partilha de conteúdos informativos nos respetivos sites